Guarani cede empate ao Sertãozinho nos acréscimos

Time de Campinas vencia até os 46 minutos do segundo tempo, quando cedeu o empate por 1 a 1

Agência Estado

17 de fevereiro de 2008 | 20h37

O Guarani acabou castigado neste domingo á noite, no Brinco de Ouro, em Campinas, quando empatou com o Sertãozinho, por 1 a 1. O time campineiro vencia até os 42 minutos do segundo tempo, quando ocorreu uma falha no sistema de iluminação. Na volta da energia elétrica, o visitante empatou num lance fortuito.Depois da nona rodada, o Guarani voltou a figurar na zona do rebaixamento, com 10 pontos, em 17.º lugar. O Sertãozinho, com 11 pontos, está em 13.º lugar.   Veja também:  Classificação  Calendário e resultados   O primeiro tempo foi bastante amarrado, com poucas chances de gol. No segundo tempo, o Guarani melhorou com as mudanças feitas pelo interino técnico Cidinho. O gol do Guarani saiu aos 23 minutos, quando Juliano tocou de cabeça depois da cobrança de escanteio. O Sertãozinho, que já tinha perdido algumas chances valiosas, não parecia ter forças para reagir.   Aos 42 minutos, houve paralisação do jogo por queda de energia elétrica nas torres de iluminação. O jogo voltou após 12 minutos e o resultado acabou mudando. Aos 47 minutos, a bola foi levantada na área e sobrou para a virada do zagueiro Pedro Paulo.   Pela 10ª rodada, no meio de semana, o Guarani vai enfrentar o Santos, na Vila Belmiro, quinta-feira, às 20h30. Este jogo vai marcar a estréia do técnico Jair Picerni, escolhido para substituir Roberval Davino. Na quarta-feira, o Sertãozinho volta a jogar fora, desta vez, em São José do Rio Preto, contra o lanterna Rio Preto, a partir das 19h30.   GUARANI 1 X 1 SERTÃOZINHO   Guarani - Gisiel; Danilo Silva, Xandão e Diego; Lucas, João Paulo, Paulo Santos, Marcinho (Andrezinho) e Roque (Messias); Fábio Pinto (Juliano) e Cris. Técnico: Cidinho   Sertãozinho - Lauro; Pedro Paulo, Émerson e Erivélton; Lucas, Elias, Carlinhos (Tiago), Assis (Rodrigo Silva) e Júlio César; Marcos Denner (Hugo) e Tuto. Técnico: Luis Carlos Barbieri.   Gols - Juliano, aos 23 e Pedro Paulo, aos 47 minutos do 2.º tempo. Árbitro - Anselmo da Costa Cartões amarelos - Cris, Andrezinho, Lucas, Erivélton, Assis e Rodrigo Silva. Renda - R$ 26.977,00 Público - 3.145 pagantesEstádio - Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)

Tudo o que sabemos sobre:
GuaraniSertãozinhoPaulistão A-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.