Guarani comemora: só depende dele

O Guarani vive uma situação curiosa dentro do Campeonato Brasileiro da Série B. Em 19 rodadas, jamais esteve entre os oito primeiros colocados que passarão à segunda fase, mas agora só depende de suas próprias forças para garantir uma vaga.Em nono lugar, com 29 pontos, o time campineiro precisa vencer seus dois últimos jogos, contra o rebaixado Caxias, no Sul, e contra o Avaí, em Campinas.Segundo os cálculos matemáticos, o Guarani tem 59% de chances de chegar na segunda fase. É que na próxima rodada haverá o confronto direito entre o Náutico, sexto colocado, com 30 pontos, e o Avaí, sétimo, com 29. "Acho que estamos numa situação muito boa e vamos chegar lá", comentou o técnico Luiz Carlos Ferreira, que sempre manteve a confiança, mesmo quando assumiu o time na lanterna da competição.Para o jogo com o Caxias, nesta sexta-feira, os desfalques serão os volantes Marcos Paulo e Umberto, que receberam o terceiro cartão amarelo na vitória de 2 a 0 sobre o líder Santa Cruz. Márcio Araújo e Márcio Araújo podem ser os substitutos. Por outro lado, o goleiro Jean, após cumprir suspensão, tem seu retorno assegurado na vaga de Fernando.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.