Janaína Ribeiro/AAN
Janaína Ribeiro/AAN

Guarani consegue liberação do estádio Brinco de Ouro para Série A2 do Paulista

Estádio estava interditado desde o dia 28 de novembro porque havia restrições em alguns laudos

Estadão Conteúdo

21 de dezembro de 2017 | 12h34

Cinco dias após a divulgação da primeira versão da situação dos estádios da Série A2 do Campeonato Paulista feita pela Federação Paulista de Futebol (FPF), o Guarani regularizou o estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. O local acabou sendo liberado para a competição.

O estádio estava interditado desde o dia 28 de novembro deste ano porque havia restrições nos laudos de Condições Sanitária e de Higiene, de Segurança e de Vistoria de Engenharia. A vistoria do Corpo de Bombeiros e de Prevenção e Combate de Incêndio estava totalmente liberada.

O Guarani estreia na Série A2 do Campeonato Paulista no dia 17 de janeiro, às 19h30, fora de casa, contra o Oeste, na Arena Barueri, em Barueri. A primeira partida do clube em Campinas, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, acontecerá na segunda rodada, contra o Nacional, no dia 20 de janeiro, às 17h.

Batatais, Inter de Limeira, Audax, XV de Piracicaba, Rio Claro, São Bernardo, Juventus e Taubaté ainda estão com seus respectivos estádios interditados. Já Votuporanguense, Sertãozinho, Portuguesa, Nacional, Penapolense, Água Santa e Oeste, assim como o Guarani, já estão liberados para mandar jogos em seus estádios.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.