Guarani contrata Luiz Carlos Ferreira

A diretoria do Guarani confirmou nesta segunda-feira à tarde a contratação do técnico Luiz Carlos Ferreira para substituir José Carlos Serrão, demitido pela manhã. Afeito a desafios, Ferreira demonstrou otimismo em tirar o time da lanterna do Campeonato Brasileiro da Série B, mas reconheceu que a campanha já está comprometida. O novo técnico vai estrear sábado, fora de casa, contra o Marília. ?Vamos sair em breve desta situação e depois brigar por uma classificação na segunda fase?, disse Ferreira, lembrando que sua vinda para o clube é uma questão de honra, uma vez que ficou apenas cinco jogos no Brinco de Ouro na temporada de 2001, após desentendimentos com Neto, na ocasião, gerente de futebol. Ferreira, conhecido como ?Rei do Acesso?, foi sondado domingo e chamado nesta segunda-feira cedo. Após o almoço, definiu seu contrato e começou a trabalhar com o elenco à tarde. Ele deve indicar pessoas de confiança para a comissão técnica e poderá sugerir vários reforços ?de preferência jogadores acostumados com esta divisão?. Nesta temporada, Ferreira dirigiu Santo André e União São João, de Araras. Ambos no Campeonato Paulista. A queda de Serrão já estava anunciada desde a semana passada, quando o presidente José Luiz Lourencetti revelou que a escolha do técnico não tinha sido sua, mas do extinto conselho gestor. A derrota para o Sport por 1 a 0, na última sexta-feira, e a situação crítica na tabela de classificação, com cinco pontos, foram as razões oficialmente apresentadas pela mudança de comando. Em seis jogos, Serrão conseguiu apenas uma vitória, dois empates e três derrotas. Enquanto Ferreira tentará acertar o time em campo, fora das quatro linhas continua a briga política. Um grupo de conselheiros exige a marcação de uma reunião extraordinária para decidir sobre o impeachement do presidente. Mas isso não parece tão simples assim, mesmo porque haveria a necessidade de uma convocação da Assembléia Geral, formada por associados, para decidir sobre a questão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.