Guarani contrata volante coreano e espera ampliar receita no exterior

Na tentativa de abrir novos horizontes para gerar receitas ao Guarani, o presidente Horley Senna, confirmou, nesta sexta-feira, uma parceria com a empresa M.Sports - Everything in Football. E vai, de início, receber um jogador coreano em seu elenco, assim como o Corinthians fez com o carismático Zizao, jovem oriental que chegou a vestir a camisa do time da capital.

Estadão Conteúdo

06 Novembro 2015 | 21h06

Pelo intercâmbio de jovens talentos, o coreano Kim Jae Wook, mais conhecido como Kim, do empresário Park Dal Yeon, será o primeiro atleta da empresa a vestir a camisa do Bugre. Nascido em 1997, tem apenas 18 anos e atua como volante. A princípio, vai treinar junto com o time sub-20, mas se mostrar condições técnicas pode até ser acolhido ao elenco profissional.

Esse é apenas o início da parceria que, segundo o presidente Horley Senna, pretende valorizar o intercâmbio de atletas pela empresa. O Guarani estaria aparelhado para receber outros jogadores até com idade inferior, gerando receita importante para o clube e que seria destinada, inicialmente, para a própria formação de base.

"Estamos contentes com a nova parceria e temos a pretensão de estreitar os laços com o intercâmbio de garotos coreanos que estejam envolvidos com a M.Sports, seja com categorias de base ou profissional", enfatizou Horley, sem revelar, contudo, os possíveis valores que o clube poderá receber no futuro.

Mais conteúdo sobre:
futebol Guarani

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.