Guarani corre para inscrever jogadores

Embora a diretoria do Guarani tenha se esforçado, o atacante Viola, principal estrela no atual elenco, ainda não vestirá a camisa do clube neste domingo, na segunda rodada do Campeonato Paulista, contra o Mogi Mirim. Além de estar sem condiçõe sfísicas, o jogador ainda não foi regularizado na Federação Paulista de Futebol (FPF).Agora, a esperança do técnico Barbieri é poder contar com o meia argentino Liberman, o volante Sidney e o atacante Ludemar. "Vamos tentar inscrever esses atletas para o jogo. Mas se não conseguirmos, já temos outras alternativas", conformou-se o treinador do Guarani.Com carência na lateral-direita, o Guarani tenta a contratação de mais um reforço para o setor. O principal nome que surgiu no Brinco de Ouro é o de Chiquinho, do Fortaleza. Atualmente, o time de Campinas conta com dois atletas para a posição, entretanto, o titular Simão sofreu uma entorse no tornozelo e deve ficar fora alguns jogos. O reserva Júnior Barbosa, contratado junto ao Oeste, não deve ser aproveitado. No empate contra o Marília, o zagueiro Gláuber foi improvisado na posição.Além disso, a direção do clube não descarta a possibilidade de buscar outro volante caso não consiga regularizar a situação do argentino Loscri.

Agencia Estado,

23 de janeiro de 2004 | 14h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.