Guarani: crise às vésperas do Brasileiro

A diretoria do Guarani não se entende. O presidente José Luiz Lourencetti está em rota de colisão com o Conselho Gestor, uma espécie de um colegiado composto por quatro dirigentes criado há dois meses para ajudar a diretoria. Às vésperas do início do Campeonato Brasileiro da Série B, a cúpula bugrina está transformando o Brinco de Ouro num caldeirão efervescente. Nesta terça-feira, especulou-se a possível queda do presidente. Esta mudança estaria sendo articulada pelo Conselho Gestor que ameaçou deixar o clube, caso o dirigente não saísse. Ao ficar sabendo disso, Lourencetti disparou nas emissoras de rádio: "Só saio ao final do meu mandato em 2007. Se o Conselho Gestor ameaçar sair se eu permanecer, que eles saiam já", esbravejou. Outro fator que revoltou o presidente foi a demissão do ex-goleiro Neneca, campeão brasileiro em 1978 e do auxiliar Júlio de Toledo Pizza. A demissão deles aconteceu sem o seu consentimento, pois ele estava fora da cidade. Logo que fixou sabendo das demi sões, o dirigente pediu a reintegração dos profissionais. A própria demissão do técnico Jair Picerni, na semana passada, também teve uma certa restrição por parte do presidente. O treinador só saiu por causa de uma imposição do Conselho Gestor, que era contra o seu alto salário. Na realidade, as desavenças entre as partes estariam centradas na auditoria promovida por uma empresa especializada. Segundo as primeiras avaliações, o clube estaria devendo R$ 60 milhões, mas Lourencetti garante que o montante não passa de R$ 30 milhões . A origem deste débito também tem sido questionada, incomodando vários setores no clube. Enquanto a diretoria não se entende, o técnico José Carlos Serrão começa a trabalhar o time que estréia no Campeonato Brasileiro da Série B, sábado à noite no Canindé, contra a Portuguesa. Em meio a tanta confusão, pelo menos uma boa notícia: a diretoria confirmou a contratação do zagueiro Fábio Brás, do Mogi Mirim. O próximo reforço deverá ser o meia-atacante Guin, do América.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.