Guarani dá prioridade a amistosos

A menos de 15 dias da estréia no Campeonato Brasileiro, o técnico do Guarani, Hélio dos Anjos, acredita ter entrado na segunda fase do trabalho de preparação da equipe. A partir de agora, ele pretende diminuir o trabalho de condicionamento físico para priorizar o aspecto técnico-tático. Para isso, suspendeu o projeto de realizar um período de pré-temporada em Jacutinga-MG e pediu à diretoria a marcação de amistosos."Não temos necessidade de ficar correndo à toa. Os jogadores que estão chegando estavam treinando ou jogando. Então é colocá-los em campo para buscarmos o entrosamento necessário", justificou o técnico.A diretoria se apressou e confirmou mais dois amistosos para esta semana. Nesta quarta-feira, o time enfrenta o São Caetano e sábado pega o Internacional-RS, ambos no estádio Brinco de Ouro, em Campinas. Para estes jogos o treinador poderá contar com o mais novo contratado: o zagueiro Sangaletti, que chegou nesta terça-feira ao clube depois de ser campeão pernambucano com o Náutico-PE. "Estou satisfeito de voltar ao Guarani e de poder trabalhar com o Hélio dos Anjos", disse na sua chegada. O jogador defendeu o Guarani em 1996, logo depois de se destacar no Juventus. Passou ainda pelo Corinthians, Santos e Sport Recife.Mas o técnico espera por mais reforços. O mais cotado é o meia Rodrigo Gral, que negocia salário depois de ser liberado pelo Grêmio-RS. Ele foi o artilheiro do Campeonato Pernambucano, com 14 gols, pelo Sport, e tem a confiança de Hélio dos Anjos.O volante Otacílio, do Corinthians, ficou mais distante do Brinco depois que ele próprio manifestou seu desejo de não deixar o Parque São Jorge. Ele poderia ser envolvido na negociação com o zagueiro Edu Dracena, pretendido pelo técnico Wanderley Luxemburgo. Mas o presidente José Luiz Lourencetti não parece disposto a aceitar jogadores no negócio, uma vez que precisaria reforçar o caixa do clube. O clube pede R$ 4 milhões para vender Edu Dracena - capitão da seleção brasileira sub-20 e uma das principais revelações do clube nos últimos anos. O meia Renato, de 23 anos, também estaria nos planos do Corinthians, mas pode ser envolvido numa troca, por empréstimo, com Eduardo Marques, do Santos, que estava no Sport Recife.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.