Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Guarani derrota Ituano nos acréscimos

O Guarani conseguiu sua primeira vitória no Campeonato Paulista ao superar o Ituano, por 1 a 0, neste domingo à tarde, no estádio Novelli Júnior, em Itu. E deve agradecer este feito ao argentino Loscri, estreante da tarde, que marcou o gol da vitória aos 46 minutos do segundo tempo. Os dois times somam seis pontos, com o Ituano em sétimo e o Guarani em oitavo lugar no Grupo 2.A vitória também quebrou um longo tabu do time de Campinas, que não vencia fora de casa desde o dia 13 de julho, quando passou pelo São Caetano, por 2 a 1, ainda pelo Campeonato Brasileiro. A derrota provocou revolta da torcida de Itu e quem pode "pagar o pato" é o técnico Paulo Comelli, ameaçado no cargo.Com o mesmo sistema tático, o 3-5-2, e com a marcação praticamente individual, os dois times deixaram o jogo chato e previsível no primeiro tempo. Não havia variação de jogadas, nem ousadia dos atacantes. Sem poder de criatividade, só mesmo uma falha individual poderia determinar acabar em gol. A única chance aconteceu aos 38 minutos, quando o goleiro André Luís falhou na interceptação da bola e quase Viola, de cabeça, abriu o placar. O próprio goleiro se recuperou ao espalmar para escanteio.O técnico Paulo Comelli, do Ituano, ousou no intervalo quando fez duas alterações. Colocou o experiente Vágner Mancini no lugar de Sena e o rápido Tita no lugar do inoperante Tico Mineiro. O time da casa ganhou mais força ofensiva e quase abriu o placar com Jabá, aos três minutos, quando o goleiro Jean praticou grande defesa. O próprio Jabá chutou à queima-roupa aos 15 minutos, mas perdeu outra boa chance.Do lado do Guarani, o técnico Joel Santana se mantinha imóvel, sem tomar iniciativa, talvez, na esperança de que pudesse segurar o empate sem gols. Só aos 27 minutos é que Patrick entrou na ala-esquerda com Alex passando a atuar no meio-campo. O meia Alexandre passou a atuar adiantado no lugar de Ricardo Lobo, que deixou o campo. As mudanças não melhoraram a situação do Guarani, que só levou vantagem a partir dos 32 minutos, quando o Ituano ficou com 10 jogadores devido à expulsão de Tita, que revidou uma falta sobre Sidney. O argentino Loscri entrou no lugar do zagueiro Tiago e marcou o gol da vitória aos 46 minutos do segundo tempo, em jogada individual.O Guarani, agora, esquece o Paulistão para estrear na Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Cacoalense, em Rondônia. Só volta a atuar no Estadual contra o Oeste, em Itápolis, dia 25 de fevereiro. O Oeste será o adversário do Ituano, no sábado de carnaval, dia 21.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.