Guarani empata com Vasco e perde 100% na Série B

Após cinco vitórias consecutivas, o Guarani perdeu seus primeiros pontos na Série B do Campeonato Brasileiro. Mesmo com um jogador a mais desde o final do primeiro tempo (Carlos Alberto foi expulso, aos 44 minutos), o time paulista não saiu de um empate sem gols com o Vasco, neste sábado, no Brinco de Ouro, em Campinas.

AE, Agencia Estado

13 de junho de 2009 | 18h49

O resultado não tirou a liderança do Guarani, que chegou aos 16 pontos e agora tem vantagem de quatro sobre o Brasiliense, vice-líder. O Vasco está duas posições abaixo, com 11 pontos, de volta ao G-4. Os cariocas, porém, não vencem há três rodadas.

Considerados os dois melhores times da Série B, Guarani e Vasco fizeram um jogo bastante movimentado. Em casa, os paulistas começaram melhor e perderam boa chance com Ricardo Xavier, aos 16 minutos. Aos 44, Carlos Alberto caiu em uma disputa de bola e acabou derrubando o zagueiro Dão. O árbitro Elmo Alves Cunha aplicou o segundo cartão amarelo no vascaíno e o expulsou da partida.

Com um jogador a menos, os cariocas se retrancaram na etapa final, mas criaram as melhores oportunidades para marcar. Nilton, em chute de fora da área, e Edgar, debaixo do gol, tiveram as chances mais perigosas. O Guarani melhorou com a entrada de Nei Paraíba, mas jogou abaixo do que vinha mostrando no torneio.

Dando fim à sequência de jogos difíceis pela Série B, o Guarani faz o dérbi contra a Ponte Preta, no próximo sábado, às 16h10, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. Enquanto isso, o Vasco jogará pela primeira vez numa sexta-feira. A partida será realizada às 21 horas, contra o Duque de Caxias, em São Januário.

Ficha Técnica:

Guarani 0 x 0 Vasco da Gama

Guarani - Douglas; Maranhão, Bruno Aguiar, Dão e Eduardo; Luciano Santos (Marquinhos), Cléber Goiano, Walter Minhoca (Glauber) e Rodriguinho; Fabinho e Ricardo Xavier (Nei Paraíba). Técnico: Vadão.

Vasco - Fernando Prass; Paulo Sérgio, Vilson, Gian e Ramón; Amaral, Nilton, Léo Lima (Jéferson) e Carlos Alberto; Alex Teixeira (Souza) e Edgar (Alan Kardec). Técnico: Dorival Júnior.

Cartões amarelos - Luciano Santos, Cléber Goiano, Bruno Aguiar (Guarani); Ramón (Vasco).

Cartões vermelhos - Carlos Alberto (Vasco).

Árbitro - Elmo Alves Resende Cunha (GO).

Renda - R$ 178.641,00.

Público - 11.853 pagantes.

Local - Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.