Guarani empata sem gols e é eliminado pelo Atlético-GO

Além da má campanha na Série A-2 do Campeonato Paulista e do rebaixamento à Série C do Campeonato Brasileiro,, o Guarani decepcionou sua torcida na Copa do Brasil ao empatar sem gols e ser eliminado pelo Atlético Goianiense, na noite desta quarta-feira, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas. O time de Goiânia havia vencido o jogo de ida por 2 a 1, na semana passada.Com a classificação, o time dirigido pelo treinador Arthur Neto enfrentará na segunda rodada da competição o Fortaleza, que eliminou o Sampaio Correa-MA por 3 a 1, em São Luís, no primeiro confronto.O primeiro tempo da partida foi muito ruim, com nenhum time ameaçando o goleiro adversário. A irritação da torcida do Guarani foi traduzida aos 32 minutos em um copo de água atirado nas costas de um dos assistentes. O ato pode valer uma punição ao time campineiro. Na etapa final, o Guarani mostrou a mesma apatia já vista neste início de temporada e não ameaçou o goleiro visitante. O Atlético-GO preferiu segurar o empate, que garantiu a vaga.Ficha técnica:Guarani - Buzzeto; Lucas, Márcio Rocha, Lino e Adílio; Umberto (Vitor), Macaé, Gustavo e Deivid; Jordan (Lê) e Anderson (Fernandinho). Técnico: Waguinho Dias.Atlético-GO - Fábio Noronha; Dida, Gilson (Roni), Jairo e Possato; Claudinho, Pituca, Robston e Wesley (Renatinho); Anaílson (Rômulo) e Fábio Oliveira. Técnico: Arthur Neto.Árbitro - Pablo dos Santos Alves. Cartões amarelos - Umberto, Anderson, Márcio Rocha, Pituca, Jairo, Anaílson, Dida, Claudinho, Robston e Fábio Noronha. Renda - R$ 14.267,00. Público - 1.686 pagantes. Local - Estádio Brinco de Ouro, em Campinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.