Guarani fecha elenco e muda astral

O Guarani está pronto para a disputa do Campeonato Brasileiro. Depois de confirmar as contratações do zagueiro Ronaldo Costa, do Grêmio-RS, e do volante Élder, do Santos, a diretoria garante que não pretende mais contratar ninguém para o elenco dirigido por Hélio dos Anjos. Apesar do rebaixamento para a Série A-2 do Campeonato Paulista, o time demonstra muita confiança em realizar uma grande campanha no Brasileirão.Os dois novos reforços se apresentaram hoje no Brinco de Ouro, passando por exames médicos e assinando contrato. O meia Renato, que poderia deixar o clube, vai permanecer no elenco a pedido da comissão técnica. A diretoria conseguiu fazer um acerto financeiro com seu procurador, que havia se desgastado com os constantes atrasos salariais no clube. Renato interessaria ao Santos e ao Corinthians.O presidente José Luiz Lourencetti garante que todas as dívidas com jogadores estão praticamente liquidadas. O dirigente também descartou as contratações de Dozinete Amorim, do Atlético-PR, Otacílio do Corinthians e Eduardo Marques do Santos. "São nomes que estavam na nossa lista de reforços. Mas, agora, não interessam mais", concluiu.A diretoria agora trabalha para alugar um gerador que seja capaz de alterar os jogos do meio de semana para o período noturno. Segundo os cálculos iniciais, o custo de um gerador seria compensado pelo aumento das receitas com arrecadação, tanto que esta providência pode ser tomada já para a estréia no Brasileiro contra o Palmeiras, na próxima quarta-feira, em Campinas.Hélio dos Anjos também já tem o time praticamente definido. A única dúvida é o atacante Zé Carlos, afastado dos últimos treinos com dores musculares. Dois desfalques são certos por contusão: o zagueiro Edu Dracena e o atacante Cléber. Os dois novos contratados, Rodrigo Costa e Élder, serão integrados ao elenco na segunda-feira. "O astral mudou e a confiança também", garante Hélio dos Anjos, que quer o grupo entusiasmado com o bom trabalho realizado na pré-temporada. Em seis amistosos, o time venceu três, empatou um e perdeu outro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.