Guarani joga para ficar perto de semi da Série A2; Portuguesa luta contra queda

Bugre pode chegar à terceira posição, caso vença por três ou mais gols de diferença

Estadao Conteudo

17 de abril de 2017 | 08h18

Ainda com chances de chegar às semifinais do Campeonato Paulista da Série A2, o Guarani fecha a 18.ª e penúltima rodada nesta segunda-feira, quando recebe o Barretos, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP). A Portuguesa enfrenta o Oeste, no estádio do Canindé, em São Paulo. Os dois jogos começam às 20 horas.

Em sétimo lugar com 27 pontos, o Guarani pode terminar esta penúltima rodada em quarto ou até mesmo em terceiro desde que marque três gols e tire a diferença do saldo favorável ao Rio Claro: 9 a 7. De qualquer forma, vai levar a definição da vaga para a última rodada, quando vai ter o confronto direto contra o Batatais, no momento o quinto colocado, com 28 pontos. O Barretos, com 20 pontos, está em 16.º lugar, dentro da zona de degola.

A situação da Portuguesa é diferente da que vive o Guarani. Ela tem 23 pontos e ocupa a 11.ª posição. Para não correr risco de queda e se livrar dela forma antecipada, precisa vencer o Oeste. Mas vai ter pela frente um time ainda ameaçado pela degola. O ex-representante de Itápolis (SP) e agora na cidade de Barueri (SP) soma 22 pontos e está na 14.ª posição. Mesmo vencendo ainda vai empurrar o seu futuro para a rodada final.

DEFINIÇÕES - Por enquanto, a matemática só deixa o líder São Caetano, com 34 pontos, nas semifinais. O vice-líder Água Santa, com 32, está bem próxima da classificação. Depois aparecem cinco clubes brigando por duas vagas: Rio Claro (30), Bragantino (29), Batatais (28), Sertãozinho (27) e Guarani (27). Juventus e Taubaté, também com 27 pontos, têm menos chances. Precisariam vencer e ainda torcer por uma complicada combinação de resultados.

Na outra ponta da tabela de classificação, o Mogi Mirim foi rebaixado nesta rodada após a derrota sofrida diante do Sertãozinho por 5 a 3. Antes dele já tinham caído Rio Preto e União Barbarense para a Série A3 de 2018. Restam três vagas para serem preenchidas, em princípio, destinadas para Capivariano (19 pontos), Barretos (20) e XV de Piracicaba (20).

A matemática, porém, ainda coloca em risco o Oeste (20), Velo Clube, Votuporanguense e Portuguesa, todos com 23 pontos, e até mesmo o Penapolense, com 24.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.