Guarani joga para manter 100% e Ponte pela reabilitação

Em Campinas, vice-líder recebe o Bragantino; rival vai à Goiânia enfrentar o Atlético, pela quarta rodada

AE, Agencia Estado

29 de maio de 2009 | 07h51

O Guarani entra em campo pela quarta vez no Campeonato Brasileiro da Série B com intuito de conquistar a sua quarta vitória e reassumir a liderança. A rodada, que começou na última terça-feira, segue nesta sexta, às 21 horas, com dois jogos.

Veja também:

tabela Classificação

lista Calendário / Resultados  

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão 

Em Campinas, o Guarani recebe outro paulista, o Bragantino, para manter os 100% de aproveitamento. Com força máxima, o time da casa soma nove pontos, na segunda colocação, após vencer o Campinense. Perde a liderança para o Vasco no saldo de gols: 6 a 4. Enquanto isso, o clube de Bragança Paulista, que voltou a vencer - sobre o Duque de Caxias -, soma seis, na sexta posição.

Em Goiânia, a Ponte Preta estreia o técnico Pintado, substituto de Marco Aurélio, para buscar a recuperação. Mas o Atlético Goianiense também tenta se levantar após perder para o Vasco, em São Januário. O time da casa soma seis pontos, na décima colocação, enquanto a equipe paulista soma quatro, em 11.º lugar.

A quarta rodada começou na terça com dois jogos e será encerrada no sábado com mais seis confrontos. Destaque para o líder Vasco que vai enfrentar o Paraná, em Curitiba. Desde já a preocupação dos times é ficar entre os quatro primeiros colocados, que vão garantir o acesso à Série A, em 2010. Os quatro últimos serão rebaixados para a Série C.

Confira a 4.ª rodada da Série B:

Terça-feira

ABC 2 x 1 Fortaleza

Ceará 2 x 2 Figueirense

Sexta-feira

21 horas

Guarani x Bragantino

Atlético-GO x Ponte Preta

Sábado

16h10

Portuguesa x Bahia

Paraná x Vasco

Brasiliense x Juventude

Ipatinga x Campinense

São Caetano x América-RN

21 horas

Duque de Caxias x Vila Nova

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.