Reprodução/Guarani Twitter
Reprodução/Guarani Twitter

Guarani leva gol no fim e só empata com o Oeste na Série B

Com o resultado, time de Barueri chega a sete compromissos sem perder, mas alcança 5º empate seguido; equipe de Campinas praticamente dá adeus ao acesso

Estadão Conteúdo

27 Outubro 2018 | 19h14

O fase difícil do Guarani parecia que chegaria ao fim na tarde deste sábado. Só parecia. Com um gol de Léo Ceará aos 45 minutos do segundo tempo, o time alviverde ficou no empate com o Oeste, por 1 a 1, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, pela 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Sem vencer há cinco jogos, o Guarani praticamente deu adeus às chances de acesso e segue na nona colocação, com 46 pontos. Na 13ª posição e quase livre do risco de rebaixamento, com 43, o Oeste não perde há sete partidas, mas empatou pela quinta rodada seguida.

O primeiro tempo em Campinas foi fraco tecnicamente, mas um pouco melhor para o Guarani que achou um gol aos 29 minutos. Fabrício soltou a bomba em cobrança de falta, a barreira abriu e o goleiro Tadeu não conseguiu fazer a defesa. A bola ainda quicou em sua frente antes de entrar.

Antes, o Oeste havia acertado o travessão com Rodrigo Souza. Nos acréscimos, o time campineiro teve um gol anulado porque a arbitragem marcou toque de mão do atacante Marcão.

O Guarani até chegou a dar esperança aos torcedores de um futebol melhor no começo do segundo tempo por meio de Matheus Anjos e Jefferson Nem. Depois, o time campineiro diminuiu o ritmo e passou a ser pressionado pelo Oeste principalmente após a expulsão de Marcão. Aos 45 minutos, Edilson desarmou Ricardinho e tocou para Léo Ceará bater de primeira no canto de Agenor, deixando tudo igual.

O Guarani volta a campo no próximo sábado, contra o Coritiba, às 19h30, no Couto Pereira, em Curitiba (PR). Na sexta-feira, o Oeste recebe o Figueirense, às 20h30, na Arena Barueri, em Barueri. Os jogos são válidos pela 34ª rodada.

FICHA TÉCNICA:

GUARANI 1 x 1 OESTE

GUARANI - Agenor; Kevin, Philipe Maia, Fabrício e Romário (Pará); Willian Oliveira, Ricardinho, Matheus Anjos, Rafael Longuine (Jefferson Nem) e Rondinelly (Felipe Rodrigues); Marcão. Técnico: Umberto Louzer.

OESTE - Tadeu; Adriano Alves, Joilson, Patrick e Conrado; Lídio (Felipe), Rodrigo Souza (Edilson), Betinho, Marciel e Raphael Luz; Pedrinho (Léo Ceará). Técnico: Roberto Cavalo.

GOLS - Fabrício, aos 29 minutos do primeiro tempo. Léo Ceará, aos 45 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Ricardinho (Guarani); Lídio, Pedrinho e Rodrigo Souza (Oeste).

CARTÃO VERMELHO - Marcão (Guarani).

ÁRBITRO - Emerson de Almeida Ferreira (MG).

RENDA - R$ 22.801,00.

PÚBLICO - 1.737 pagantes.

LOCAL - Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.