Guarani pode virar clone do S.Caetano

Valorizado após a disputa do Campeonato Brasileiro, o técnico Jair Picerni acabou optando por sua permanência no Guarani em virtude da palavra da diretoria do clube, que prometeu atender a seu pedido de montar a equipe para a disputa do Paulistão 2003.Picerni espera contar com alguns jogadores de sua confiança. Da lista de contratações pedidas pelo treinador, quatro deles já trabalharam juntos no São Caetano. O zagueiro Daniel, os meias Adãozinho e Esquerdinha e o atacante Wágner são alguns dos nomes preferidos do treinador, que negou que deixará o time campineiro para dirigir a seleção peruana em 2003.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.