Guarani promete reforços de peso para disputa da Série A2 do Paulista

Elenco do clube tem apenas 13 nomes confirmados para próxima temporada

Estadão Conteúdo

02 de dezembro de 2016 | 18h51

Depois da repercussão negativa pelas contratações do goleiro Flaysmar e do atacante Anderson, ambos vindos do Guaratinguetá, rebaixado à Série D do Campeonato Brasileiro, a diretoria do Guarani promete ir ao mercado para buscar mais reforços para a Série A2 do Campeonato Paulista. O clube mira a contratação do meia Betinho, que disputou a Série B pelo Oeste, e do volante Claudinei, rebaixado com o América-MG no Brasileirão.

"Vamos buscar bons nomes, mas dentro de nossa realidade financeira", explicou o presidente Horley Senna, confirmando que a folha mensal do clube vai ser em torno de R$ 500 mil.

Titular no esquema do técnico Fernando Diniz no Oeste, Betinho fez 24 jogos na Série B e ajudou o time a se livrar do rebaixamento na rodada final da competição. Com 28 anos, ele começou a carreira no Noroeste de Bauru. Entre 2013 e 2014, jogou no Boa, onde foi comandado por Ney da Matta, atual técnico do Guarani.

Assim como Betinho, Claudinei tem 28 anos e também passou pelo Boa, mas entre 2010 e 2011, por isso não foi comandado por Ney. Revelado no Democrata-MG, Claudinei passou por Figueirense, Atlético-MG, Avaí e América-MG.

Até o momento, o elenco conta com 13 jogadores em seu elenco: os goleiros Leandro Santos, Flaysamar e Passarelli; o zagueiro Léo Rigo; os laterais Lenon e Bruninho; o volante Evandro, os meias Fumagalli e Marcinho; e os atacantes Eliandro, Gabriel Poveda, Lorran e Anderson Oliveira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.