Guarani quer confirmar nova fase na Bahia

O Guarani acredita ter iniciado uma nova fase após a estréia vitoriosa do técnico Barbiéri, domingo, em Campinas, sobre o Goiás, por 3 a 2. Com mais confiança, o time espera vencer o Bahia, nesta quarta-feira à noite, no estádio da Fonte Nova, em Salvador. O desafio é vencer pela primeira vez fora de Campinas. Dos oito jogos realizados longe do estádio Brinco de Ouro, o Guarani perdeu cinco vezes, empatou duas e venceu apenas a sua maior rival, a Ponte Preta, no Majestoso. Para quebrar este tabu, o volante Émerson, que já atuou no rival Vitória, acredita ter a fórmula certa: "Jogar no erro deles, porque o tempo vai passando e a torcida vai pressionando cada vez mais...". Com relação ao time, o ainda interino Barbiéri fez questão de antecipar a mesma formação que, segundo ele, "atuou muito bem na última partida". Desta forma, o Guarani vai atuar no esquema 4-4-2 e com os jovens Simão e Alex exercendo a função de meias. O desfalque continua sendo o meia Marquinhos, com uma lesão muscular. O último treinamento foi realizado nesta manhã de terça-feira no gramado do Brinco de Ouro. A comissão técnica comandou um técnico-tático, exigindo muito nas finalizações e no duelo entre o ataque e a defesa. Às 15 horas a delegação deixou Campinas, indo direto para Guarulhos, onde posteriormente seguiu para Salvador.

Agencia Estado,

08 de julho de 2003 | 16h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.