Guarani quer esquecer confusão do 1º turno

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o Guarani teve problemas quando enfrentou o Fluminense. Jogando no Maracanã, a equipe foi derrotada por 5 a 2 e ainda teve 3 jogadores expulsos. No próximo sábado, o adversário é novamente o Flu, mas o clube de Campinas não quer mais saber de confusão.Por conta do que aconteceu no outro jogo, o zagueiro Paulão e o goleiro Jean acabaram suspensos pelo STJD por 60 dias, já que as imagens da TV captaram suas agressões ao árbitro Lourival Dias Lima Filho. O outro expulso naquela ocasião foi Alex.Jean já está de volta ao time, enquanto Paulão foi negociado com o Al-Khor, do Catar. "Aquilo tudo já faz parte do passado. Perdemos para a Ponte Preta e agora temos que nos preocupar em entrar em campo e vencer", disse o goleiro.O técnico Barbieri não poderá contar com o volante Emerson, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Por outro lado, o lateral-esquerdo Gílson está liberado pelo departamento médico e tem presença confirmada. Além dele, o meia Simão ode reaparecer entre os titulares depois de se recuperar de uma lesão muscular. O zagueiro Juninho, machucado, é dúvida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.