Guarani quer "invasão" do Canindé

O técnico Luiz Carlos Ferreira, do Guarani, quer aproveitar a empolgação da torcida para empurrar o time na segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série B. Logo após a vitória sobre o Avaí, por 2 a 0, que garantiu ao time campineiro sua classificação, o técnico convocou os torcedores para uma "verdadeira invasão no Canindé", onde o time enfrentará a Portuguesa, sábado à tarde, pelo Grupo B.O objetivo é levar cinco mil torcedores até a capital. O que pode parecer utópico deve ser considerado depois da "invasão" promovida no sábado no Brinco de Ouro, que recebeu mais de 30 mil espectadores, fato jamais ocorrido na história num "jogo de uma só torcida".Com relação ao time, o desfalque será o atacante Edmilson, suspenso com três cartões amarelos. Seu substituto deverá ser o meia Alexandre Salles, com o time trocando o esquema 4-3-3 pelo 4-4-2. Nesta terça-feira, os jogadores seguem para a Estância Santa Filomena, em Jarinu, onde ficarão concentrados para a estréia na segunda fase.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.