Montagem/Guarani
Montagem/Guarani

Guarani realiza Jogo das Estrelas com ídolos do passado

Partida acontece neste domingo às 9h, no Brinco de Ouro da Princesa

Alison Negrinho, O Estado de S.Paulo

08 de abril de 2017 | 14h00

Já pensou poder ver astros como Amoroso, Evair, Neto e Djalminha atuando juntos pelo Guarani? O torcedor bugrino terá a oportunidade neste domingo às 9h, no Brinco de Ouro da Princesa. Trata-se do Jogo das Estrelas, uma preliminar do confronto contra a Portuguesa, pela Série A2 do Campeonato Paulista.

Além dos já citados, outros nomes foram convidados, como João Paulo, Bozó, Renato, Catatau, Pereira, Marcos Garça, Junior Coimbra, Zenon, Deco e Elano. Nem todos, contudo, poderão comparecer.

A partida foi idealizada por Amoroso, revelado pelos campineiros em 1992 e que possui grande identificação com o clube, assim como revelou o presidente Horley Senna. "É de suma importância a realização desta preliminar, encabeçada pelo nosso ídolo Amoroso. Aproveito para reiterar meus agradecimentos pela iniciativa e colaboração do nosso futuro embaixador", disse ao Estado.

Com o time tendo comemorado 106 anos no último dia dois de abril, a diretoria crê que o evento é uma boa oportunidade para homenagear o torcedor.

"Um jogo de relevante importância para a nação bugrina, pois terão a oportunidade de rever estrelas e atletas que fizeram história no time, e que estarão dando um show no gramado. Será uma verdadeira festa para brindar a semana do aniversário."

A preliminar não será apenas uma festa para os torcedores, mas também para os próprios ex-atletas, que poderão estar em contato novamente com antigos companheiros e recebendo o carinho dos bugrinos. Vice-campeão brasileiro pelo Guarani em 1986, Evair falou sobre a iniciativa.

"Essa tentativa de resgatar a memória do que aconteceu é muito bacana. É uma pena que às vezes as pessoas só se recordam dos que foram campeões, mas vai ser um grande prazer poder estar com meus amigos, que foram ótimos jogadores. Não sei como será a emoção de vestir novamente a camisa do clube, tenho certeza que vai ser uma partida muito gostosa", comentou.

E com Evair no ataque, nada melhor do que ter o jogo sendo armado pelo cerebral Djalminha, que defendeu o time entre 1993 e 1995. O ex-meia que fez história pelo Deportivo La Coruña (Espanha) revelou um grande sentimento pelos alviverdes.

"É super bacana (a iniciativa). Eu tenho um carinho enorme pelo Guarani. Foi lá o primeiro lugar que eu realmente brilhei, gostei de tudo, adoro a cidade e caso eu consiga ir, será maravilhoso. É um presente pro torcedor, principalmente para os mais novos, por saber que foi um clube que conquistou coisas e que quando não conquistou, fez belas campanhas."

O Jogo das Estrelas ainda terá um gosto especial para um personagem: Junior Coimbra. Filho do ídolo flamenguista Zico, Junior é declarado torcedor do Guarani, tendo inclusive jogado nas categorias de base do clube. Ele, entretanto, nunca chegou a atuar no Brinco de Ouro lotado. Quis o destino que a chance viesse décadas depois.

"Terei uma emoção muito grande. Deixei o clube cedo e não pude entrar em campo com bastante torcida. Nunca imaginei que muitos anos depois e alguns quilos a mais, eu teria essa oportunidade. Será muito bom estar ao lado de amigos e ídolos que vi brilhando", detalhou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.