Guarani também tem problemas na Justiça

Não é apenas a Ponte Preta que terá problemas sérios com o Tribunal de Justiça da CBF na próxima semana. O Guarani também precisa defender sua vaga na terceira fase da Copa do Brasil, em sessão confirmada par a segunda-feira, no Rio de Janeiro. O Vila Nova-GO alega que o volante Leandro Guerreiro estava inscrito de forma irregular, quer ganhar os pontos da derrota sofrida, por 3 a 1, em Campinas no dia 26 de março, e garantir o direito de enfrentar o Cruzeiro.Estes dois jogos válidos pela terceira fase, inclusive, já estão marcados pela CBF. Dia 23 de abril, em Belo Horizonte, e dia 30, em Campinas. Tudo, porém, vai depender da discussão no Tribunal. Na realidade existe apenas uma falha burocrática do próprio departamento técnico da CBF. Ele não relacionou o nome de Leandro Guerreiro na papeleta do jogo, como está previsto no regulamento da competição. Mas liberou, normalmente, o cartão de inscrição do jogador. Apesar do reconhecimento do erro da própria entidade, a decisão caberá aos auditores do Tribunal.A Ponte corre o risco de perder os quatro pontos conquistados no Campeonato Brasileiro (empate com o Inter e vitória sobre o Juventude) por ter escalado um jogador em situação irregular.À parte este problema, o Guarani treina com vistas ao jogo contra o Paraná, domingo, em Campinas, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O time buscará a reabilitação da derrota para o Grêmio, por 3 a 1, tendo como principal novidade a estréia do volante Rafael, ex-Rio Branco. Ele deve entrar no lugar, coincidentemente, de Leandro Guerreiro.A direção do clube confirmou a contratação do zagueiro Nenê, de 21 anos, que defendeu a Portuguesa Santista no Campeonato Paulista. Ele foi revelado nas divisões de base da rival Ponte Preta e recebeu a indicação do técnico Pepe. O clube, no entanto, des cartou duas contratações: a do zagueiro Marinho, ex-Ponte, e do meia Renato Medeiros, da Portuguesa Santistas. Nos dois casos não houve acerto financeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.