Guarani tenta eliminar jogo de volta

O Guarani estréia na segunda fase da Copa do Brasil contra o Vila Nova-GO, nesta quarta-feira, às 20h30, no estádio Serra Dourada, em Goiânia. Mesmo respeitando o adversário, o time de Campinas não descarta a oportunidade de vencer por dois gols de diferença para evitar o jogo de volta, no Brinco de Ouro.O técnico Giba conversou bastante com seus jogadores sobre esta possibilidade. "São circunstâncias do regulamento. Caso tenhamos esta chance de vencer por dois gols, não vamos desperdiçá-la. Mas tudo dependerá do jogo."O time do Guarani já está confirmado. O zagueiro Juninho substitui Bruno Quadros, que está com uma inflamação no tendão do joelho direito. No ataque, Wagner já havia conquistado a posição de titular durante os treinamentos e, além disso, Rodrigão contraiu uma conjuntivite e nem viajou com o grupo.Giba garante conhecer bem o adversário e sabe quais são as suas principais armas. "Assisti um jogo deles e vi como eles jogam. O ataque é muito veloz e eles têm um jogador, o atacante Joel, que é muito bom", alertou o treinador do Guarani, citando que o artilheiro do adversário marcou 11 gols no Campeonato Goiano.O Guarani não disputa um jogo oficial desde o dia 27 de fevereiro, quando empatou com a Portuguesa Santista, no estádio Ulrico Mursa, em Santos. O resultado eliminou o time do Campeonato Paulista - encerrou sua participação em sexto lugar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.