Guarani tenta explicar empate em Rondônia

Apesar do empate do Guarani com o União Cacoalense, quarta-feira, em Rondônia, na estréia da Copa do Brasil, o técnico Joel Santana evitou criticar a atuação de seus jogadores. Ele afirmou que isso é normal neste tipo de competição. "Copa do Brasil é assim mesmo, jogo sempre equilibrado e duro de se ganhar", comentou o treinador do time de Campinas.Enquanto isso, os jogadores investiram em outra desculpa para minimizar as críticas pelo resultado. "É um desrespeito fazer profissionais atuarem num gramado deste", afirmou o volante Sidney. "É brincadeira a CBF dar mando de jogo num campo deste", repetiu o atacante Viola.A delegação do Guarani desembarcou em Campinas nesta quinta-feira e já começa a pensar no adversário da próxima quarta-feira: o Oeste. Na rodada do fim de semana do Paulistão, o time de Campinas está de folga.Para esse jogo, Joel Santana, a princípio, não terá desfalques. No entanto, pode ser que ele faça algumas mudanças após a fraca atuação contra o União Cacoalense. O Guarani ocupa a 8ª colocação do grupo 2 do Campeonato Paulista, com 6 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.