Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Guarani testa variações contra Juventude

Depois de confirmar a entrada do atacante Jônatas ao lado de Viola e da utilização do esquema 4-4-2 para o Guarani, o técnico Zetti testou algumas variações no último coletivo do time, realizado nesta sexta-feira à tarde, no estádio Brinco de Ouro. O próprio técnico já avisou que não vai alterar o time, mas que pode usar estas variações durante o jogo diante do Juventude, domingo à tarde, em Caxias do Sul, pelo Campeonato Brasileiro. A principal delas foi a entrada de Adílio no lateral-esquerda para que Patrick possa atuar no meio campo, como já aconteceu em alguns jogos. A mudança implica na saída do volante argentino Loscri, cuja principal característica é a marcação. Na escalação inicial, o time usa três volantes - Careca, Sidney e Loscri - enquanto na segunda opção, o time atuaria com dois volantes - Careca e Sidney - e dois meias - Alexandre e Patrick. "Esta forma deixa o time mais ofensivo e precisamos ter isso como uma opção de jogo", justificou o técnico, que conseguiu reanimar o elenco após cinco dias de trabalho. Ele substituiu a Joel Santana. Outra fórmula testada foi a troca do velocista Jônatas por Evandro Roncatto, homem mais de área. "Cada um tem sua característica. Se tivermos que jogar com dois atacantes enfiados, então o Roncatto também será útil", explicou. Na verdade pela última vez, porque Roncatto foi convocado para a Seleção Brasileira Sub-20 e ficará, a partir de segunda-feira, praticamente um mês longe do clube. O time está definido desde os treinos táticos de quinta-feira, com a volta do volante Sidney no lugar de Roberto, suspenso com três cartões amarelos. O atacante Sandro Hiroshi, ex-São Paulo, treinou bem e pode ser opção no banco de reservas pela primeira vez. Armado no esquema 4-4-2, o Guarani tentará se reabilitar da derrota para o Corinthians, por 1 a 0. No departamento médico, estão algumas preocupações. O volante Marcos Alexandre e o lateral-esquerdo Nil, ambos com lesões de joelho, estão sendo acompanhados e podem até passar por exames de ressonância magnética. O meia Luiz Fernando, com tendinite no p é direito, acabou vetado para este jogo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.