Guarani vai para o "tudo ou nada"

Depois de comparar a goleada sofrida para o Náutico, por 4 a 1, na última sexta-feira, com a passagem do Furação Katrina, que destruiu a cidade norte-americana de Nova Orleans, o técnico Luiz Carlos Ferreira trabalha para conseguir a recuperação do Guarani na Série B do Brasileiro. E o primeiro objetivo é o jogo contra o Marília, na sexta-feira, em Campinas."Será tudo ou nada para nós", avisou Luiz Carlos Ferreira, já que o Guarani também perdeu na sua estréia na segunda fase da Série B - 1 a 0 para a Portuguesa. Com isso, o time de Campinas ainda não somou ponto e está na lanterna do grupo B - o líder é o Náutico, com 6 pontos.Com relação ao time, o técnico decidiu escalar três atacantes, com a volta de Wagner ao lado de Jonas e Edmilson. Na defesa, o experiente Andrei deve retornar, depois de se recuperar de uma lesão muscular na coxa direita. A única dúvida está na lateral-direita entre Nelsinho e Mariano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.