Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Alastair Grant/AP
Alastair Grant/AP

Guardiola avisa que só usará 'jogadores 100%'; De Bruyne corre contra o tempo para jogar a final

Antes da decisão da Liga dos Campeões, o Manchester City encara Newcastle, Brighton e Everton, pelo Campeonato Inglês

Redação, Estadão Conteúdo

13 de maio de 2021 | 13h57

A ambição de qualquer jogador é disputar uma final da Liga dos Campeões da Europa. Para quem defende o Manchester City, faltam poucos dias para a concretização do sonho. Mas Kevin De Bruyne ainda não está garantido diante do Chelsea. Com lesão na coxa direita, o meia belga corre contra o tempo para estar no tão aguardado jogo, agendado para a Cidade do Porto, em Portugal, no próximo dia 29.

Faltam pouco mais de duas semanas para a decisão. Há tempo de sobra para o destaque da equipe se recuperar, portanto. Mas o técnico espanhol Pep Guardiola avisou que não pretende escalar jogadores que não estiverem plenamente recuperados para não correr riscos na grande decisão. A mensagem foi direta para o belga.

"Ele (De Bruyne) ainda está machucado. Até está melhorando e quando estiver em forma, virá para o treinamento", afirmou o técnico, confiante na recuperação. Mas avisou: "Os caras que estiverem completamente em forma, 100% mental e fisicamente, terão a chance de jogar a final".

De Bruyne nem imagina perder a decisão confirmada para o estádio do Dragão, casa do Porto. Mas o clube vem tomando cuidados extras por causa do incômodo na coxa direita. O meia sente dores no local e os médicos do Manchester City evitam grandes esforços que possam agravar a contusão.

O Manchester City e Guardiola sabem, contudo, que utilizá-lo com apenas 75% ou 80% é imenso risco diante de um rival forte e perigoso. Querem De Bruyne inteiro para, quem sabe, erguerem a taça e o jogador ser eleito o melhor em campo pela quarta vez na atual edição da Liga dos Campeões.

Antes da final, o Manchester City ainda encara Newcastle, Brighton e Everton, pelo Campeonato Inglês, e a ideia é ter De Bruyne ao menos em um dos dois últimos compromissos para observar seu estado clínico e físico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.