Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Guerra se reapresenta ao Palmeiras com futuro incerto e à espera de interessados

Venezuelano não deve seguir no elenco para 2020 e jogará por outra equipe nesta temporada

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

07 de janeiro de 2020 | 04h30

O meia venezuelano Alejandro Guerra iniciou a pré-temporada no Palmeiras nesta segunda-feira ainda no aguardo sobre qual será o seu destino neste ano. O jogador retornou de empréstimo do Bahia, mas não está nos planos do técnico Vanderlei Luxemburgo e vai aguardar o desfecho de possíveis negociações para saber qual time defenderá nos próximos meses.

Guerra teve como negociação mais concreta nesta janela de transferências uma sondagem do Coritiba. O clube paranaense, recém-promovido à Série A do Brasileiro, só desistiu do jogador pelo alta exigência salarial. O  diretor de futebol do Coritiba, Rodrigo Pastana, confirmou o fim das negociações em entrevista nesta segunda-feira.

O Palmeiras não divulgou a lista do elenco que se reapresentou para a pré-temporada. Guerra, no entanto, esteve na Academia de Futebol e participou de atividades físicas no gramado junto com os companheiros. O jogador de 34 anos chegou ao clube em 2017 em negociação de cerca de R$ 11 milhões, valor bancado pela Crefisa. O contrato dele com a equipe vai até dezembro deste ano.

Guerra tem 62 jogos e oito gols pelo Palmeiras. No primeiro semestre do ano passado o jogador ficou no clube mesmo sem atuar. Depois disso, foi cedido ao Bahia, onde atuou 18 vezes e marcou um gol. A diretoria espera negociar o venezuelano logo, para ao menos minimizar o prejuízo com a contratação dele. Como será necessário futuramente reembolsar a Crefisa, o intuito do clube é conseguir uma venda.

O meia seguirá treinando com o clube enquanto não tiver uma definição sobre o futuro. Assim como ele, outros jogadores vivem impasse parecido. Os próximos a deixar o elenco devem ser o lateral-esquerdo Victor Luís e o meia Hyoran. Os dois devem reforçar o Atlético-MG.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasAlejandro Guerra

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.