Divulgação
Divulgação

Guerrero desfila na Disney, depois treina e diz que no Brasil só joga no Corinthians

Peruano negocia sua renovação de contrato e revela desejo de ficar: 'Espero poder renovar, mas antes tenho de me preparar bem'

RAPHAEL RAMOS / ENVIADO ESPECIAL A ORLANDO, O Estado de S. Paulo

13 de janeiro de 2015 | 19h37

Apenas uma hora após representar o Corinthians na Parada da Disney, no parque de diversões Magic Kingdom, Guerrero treinou nesta terça-feira no Omni Resort, em Orlando, nos Estados Unidos, onde a equipe está concentrada nesta pré-temporada. O atacante nem participou do alongamento, foi direto para o gramado e participou normalmente da atividade. O peruano desfilou na Disney porque foi escolhido pela torcida em uma enquete promovida pelo clube na internet.

Antes do treino, em encontro com jornalistas brasileiros no Magic Kingdom, Guerrero voltou a afirmar que, no futebol brasileiro, não defende outro clube além do Alvinegro. "Já falei que no Brasil só jogo pelo Corinthians."

Guerrero tem contrato até o meio do ano e já pode assinar um pré-contrato com outro clube para deixar o Corinthians sem custos a partir de julho. O atacante teria pedido US$ 7 milhões (R$ 18,9 milhões) de luvas para renovar, além de R$ 500 mil mensais de salários. A diretoria fez uma contraproposta menor e uma nova rodada de negociação está marcada para ocorrer a partir do dia 20, quando a delegação retornará ao Brasil.

"Estou deixando nas mãos do meu empresário. Ele me chamou na semana passada para falar que tudo está indo bem. Espero poder renovar aqui, mas primeiro tenho de me preparar bem", disse Guerrero.

O peruano é agenciado pelo mesmo grupo que cuida da carreira do atacante Dudu, que chegou a acertar sua transferência para o clube do Parque São Jorge, mas depois fechou com o Palmeiras. Os empresários de Dudu criticaram a postura da diretoria do Corinthians no caso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.