Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

Guilherme Arana revela que ficará no banco do Corinthians diante do Patriotas

Lateral diz que está cansado e Moisés vai entrar em seu lugar

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

26 de junho de 2017 | 17h58

Além de Maycon, Jadson e Jô, o Corinthians terá pelo menos mais uma mudança na escalação que enfrenta o Patriotas, nesta quarta-feira, na Colômbia, pela rodada da ida da segunda fase da Copa Sul-Americana. O lateral-esquerdo Guilherme Arana deverá ficar no banco de reservas, segundo o próprio jogador.

"Conversamos (técnico Fábio Carille e ele) e o Moisés vai começar jogando por causa da sequência de jogos. Falei que estou cansado e desgastado e ele preferiu me poupar desse jogo", disse o lateral-esquerdo, que mesmo assim viajou para a cidade de Tunja, local da partida.

Outros titulares também podem ser preservados. O lateral-direito Fagner e o zagueiro Pablo estão entre os mais cotados e a definição da equipe ocorre em treinamento que será realizado nesta terça-feira, já em solo colombiano.

Após a partida contra o Grêmio, no último domingo, em Porto Alegre, Fábio Carille confirmou que iria dar um descanso para alguns jogadores. Além de Moisés, quem também deve ganhar oportunidade na equipe são Camacho (na vaga de Maycon), Marquinhos Gabriel (no lugar de Jadson) e Kazim (substituindo Jô).

Fagner, cotado para ser preservado, se esquivou e garantiu não saber se irá jogar nesta quarta-feira. "Não foi passado nada para mim, mas a gente está à disposição. O que o Fábio optar tenho certeza de que vai ser o melhor para o Corinthians, até pelo desgaste de jogo que a gente vem tendo. Quem entrar vai dar conta do recado", comentou.

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.