Guilherme deve sofrer indiciamento

O atacante Guilherme poderá ser indiciado por homicídio culposo (sem intenção de matar) por ter admitido estar dirigindo a BMW que, na madrugada de sábado, chocou-se contra um Escort na rodovia que liga Marília a Assis, em que morreram duas pessoas. A informação foi passada pelo delegado do 4º Distrito Policial de Marília, Paulo Lara, o primeiro a atender o caso. ?Em casos como este, a pena varia de dois a quatro anos de prisão, mas é cedo para falar nesses termos.?Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.