Guimarães escala Costa Rica e diz que não fará ´loucuras´

O técnico da Costa Rica, o brasileiro naturalizado costa-riquenho Alexandre Guimarães, disse nesta terça-feira que escolheu Jervis Drummond para cobrir a baixa na lateral-direita deixada por Gilberto Martínez. O titular no jogo contra a Alemanha foi cortado, devido a uma tendinite, e já regressou à Itália para se recuperar com a ajuda dos médicos de sua equipe, o Brescia.Assim, Guimarães optou pela solução natural para a partida contra o Equador, marcada para esta quinta, em Hamburgo, ao invés de utilizar Harold Wallace, que tem disposição mais ofensiva. Foi Drummond quem substituiu Martínez durante a partida contra a Alemanha, em que a Costa Rica perdeu por 4 a 2.Apesar da necessidade de vitória diante dos equatorianos, o técnico disse que "não se podem fazer loucuras para se ganhar a partida". Guimarães afirmou ainda que manterá a mesma equipe que foi a campo na estréia, com a exceção de Drummond. Segundo ele, as diferenças serão vistas na postura em campo, com o adiantamento das linhas defensivas e no posicionamento de Ronald Gómez, que será o segundo atacante, ao lado de Paulo Wanchope.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.