Guiñazu acerta com campeão da 3ª divisão e volta à Argentina após 12 anos

O bom filho à casa torna. Natural da província de Córdoba, o volante Pablo Guiñazu está de volta à Argentina após 12 anos jogando no exterior, sendo a maior parte deste tempo no Brasil. Nesta sexta-feira, ele foi anunciado como reforço do Talleres, principal clube daquele estado argentino.

Estadão Conteúdo

22 Janeiro 2016 | 15h30

Rebaixado com o Vasco no Brasileirão do ano passado, Guiñazu não vai se livrar de jogar a segunda divisão nesta temporada. Afinal, o Talleres, campeão da última edição da Copa Conmebol, em 1999, está atualmente na chamada "Primeira B Nacional", que na prática é a Segundona da Argentina.

Diferente do Vasco, que foi rebaixado, o Talleres vai disputar a segunda divisão depois de ser campeão da terceira divisão argentina no ano passado. Guiñazu, aos 38, será o principal nome do elenco.

O volante, que tem 16 partidas pela seleção argentina, começou a carreira no Newell''s Old Boys. Jogou no Perugia, da Itália, e voltou à Argentina para defender Independiente e Newell''s entre 2001 e 2003. Ele deixou o país em 2004, rumo ao Saturn, da Rússia. Antes de chegar ao Internacional, defendeu o Libertad, do Paraguai.

Ele também foi ao Paraguai por um curto período, em 2013, antes de voltar ao Brasil para jogar pelo Vasco. Em São Januário, foi titular ao longo de toda a temporada 2014 e no título carioca no ano passado. Depois, foi inconsistente no Brasileirão.

Mais conteúdo sobre:
futebolVascoGuiñazu

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.