Edison Vara/Reuters
Edison Vara/Reuters

Guiñazu comemora chance do Inter repetir escalação

Para o volante, a disponibilidade de todos os jogadores fortalecerá a equipe contra o Cruzeiro

AE, Agência Estado

25 de setembro de 2012 | 13h37

PORTO ALEGRE - O período em que o Internacional sofria com o excesso de desfalques no Campeonato Brasileiro parece ter chegado ao fim. O time gaúcho não perdeu nenhum jogador por lesão ou suspensão após a vitória por 3 a 1 sobre o Bahia, no último domingo, pela 26ª rodada do torneio. Assim, o técnico Fernandão poderá manter a mesma base para o duelo do próximo sábado com o Cruzeiro, em Varginha, o que foi comemorado pelo volante Guiñazu.

"Quando se tem todos os jogadores à disposição o grupo cresce e fica ainda mais forte, o que vai ser fundamental para buscarmos uma vitória contra o Cruzeiro fora de casa", avaliou Guiñazu, torcendo para que Nei, Fabrício e D''Alessandro sejam absolvidos em julgamentos no STJD nesta semana.

No sábado, o Inter vai reencontrar um velho conhecido, Celso Roth, que atualmente comanda o Cruzeiro. Sabendo do estilo de jogo adotado pelo técnico, Guiñazu aposta em um duelo truncado em Varginha. "É um time complicado, que tem marcação forte e muita pegada", analisou.

Para Guiñazu, o time precisa repetir a atuação que teve no triunfo sobre o Bahia para derrotar o Cruzeiro. "Temos que melhorar o equilíbrio, entrar com a mesma pegada e sequer deixar o adversário ter chance de marcar gol. Nós é que temos que chutar em gol", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoInterGuiñazu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.