Marcelo Sadio/Divulgação
Marcelo Sadio/Divulgação

Guiñazu mantém recuperação, mas não sabe quando volta no Vasco

Volante deu algumas voltas no gramado de São Januário e está quase recuperado da fratura no é direito

AE, Agência Estado

15 de maio de 2014 | 15h53

RIO - O volante Guiñazu segue em tratamento e ainda não tem data para ficar à disposição do técnico Adilson Batista, mas ao menos o Vasco teve uma boa notícia nesta quinta-feira. O jogador argentino deu voltas em torno do gramado de São Januário, em mais um passo no processo de recuperação da fratura no pé direito.

Guiñazu vem desfalcando o Vasco desde a decisão do Campeonato Carioca, diante do Flamengo, mas se contundiu antes, no primeiro jogo da semifinal, diante do Fluminense. Assim, atuou em três partidas lesionado. Agora, nesta quinta-feira, ele deu voltas pelo campo acompanhado pela coordenadora da fisioterapia do Vasco, ao lado de Vanessa Knust.

Apesar disso, ainda não há qualquer previsão sobre o retorno de Guiñazu ao Vasco. E enquanto o volante realizava esse leve trabalho, Adilson comandou um treinamento tático e trabalhou bastante o posicionamento dos jogadores, os contra-ataques e o setor defensivo.

Em terceiro lugar na Série B, com sete pontos, o Vasco volta a entrar em campo no próximo sábado, quando vai encarar o Náutico, na Arena Pernambuco, em partida válida pela quinta rodada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BVascoGuiñazu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.