Gündogan desiste de renovação e ficará no Borussia Dortmund no máximo até 2016

O Borussia Dortmund anunciou oficialmente nesta quinta-feira que Ilkay Gündogan desistiu de tentar renovar o seu contrato com o clube e, com isso, seguirá defendendo o time até no máximo 30 de junho de 2016. A data é quando expira o atual compromisso firmado pelo meio-campista com a equipe alemã.

Estadão Conteúdo

30 de abril de 2015 | 11h57

A mídia alemã vem especulando nas últimas semanas que o Manchester United estaria interessado na contratação do jogador, que defende o Dortmund desde 2011. Neste período, o atleta se tornou uma peça fundamental da equipe nas campanhas que resultaram nos títulos do Campeonato Alemão e da Copa da Alemanha na temporada 2011/2012. Ele também foi campeão da Supercopa da Alemanha em 2013, ano em que o time chegou à final da Liga dos Campeões e foi derrotado pelo Bayern de Munique na decisão.

Atrapalhado por uma lesão sofrida na temporada 2013/2014, Gündogan acabou ficando impossibilidade de disputar a Copa do Mundo realizada no Brasil no ano passado, quando a Alemanha se sagrou tetracampeã mundial e também superou a seleção brasileira nas semifinais com uma humilhante goleada por 7 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.