Sirli Freitas/Chapecoense
Sirli Freitas/Chapecoense

Guto Ferreira adota mistério e faz sua reestreia no comando na Chapecoense

Técnico volta ao clube catarinense após dirigir Bahia duas vezes e Internacional e tem dois jogos contra o Corinthians

Estadão Conteúdo

12 Agosto 2018 | 07h05

Contratado para substituir Gilson Kleina no início da semana, Guto Ferreira vai fazer neste domingo sua reestreia na Chapecoense depois de dois anos da sua saída. E será contra o Corinthians, às 16 horas, na Arena Condá, pela penúltima rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Essa, inclusive, será a primeira das duas partidas em sequência entre os dois times. Na próxima quarta-feira, eles voltam a se enfrentar na Arena Condá, mas desta vez pelas quartas de final da Copa do Brasil.

O pensamento, porém, está voltado para este jogo, porque o time catarinense está na zona de rebaixamento. "Neste momento a prioridade é o Campeonato Brasileiro, não a Copa do Brasil. Ser o mesmo adversário é o de menos. Eles têm uma equipe capacitada seja quem joga regularmente ou não. Temos que buscar um bom resultado na primeira partida. O foco é no domingo, não na quarta-feira", garantiu o estreante Guto Ferreira.

Sem muito tempo para trabalhar, Guto não deve promover muitas mudanças, mas o time titular será conhecido somente momentos antes da partida. A atividade de sexta-feira foi fechada para a imprensa. Com lesões na panturrilha, o volante Elicarlos e o atacante Wellington Paulista foram vetados pelo departamento médico.

Sem ganhar há seis jogos, a Chapecoense abre a zona de rebaixamento, na 17ª colocação, com 18 pontos, atrás de Bahia e Santos no número de vitórias: 4 contra 3.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.