Guto Ferreira diz que Ponte Preta aprendeu com derrota

A Ponte Preta perdeu a invencibilidade na temporada com a derrota para o Palmeiras, por 2 a 1, no último domingo, em Campinas, pela 17.ª rodada do Campeonato Paulista. O revés, porém, não abala o técnico Guto Ferreira, que espera ver o elenco alvinegro aprendendo com o resultado para que isso não volte a acontecer nos momentos decisivos.

AE, Agência Estado

08 de abril de 2013 | 19h49

Mesmo quando a Ponte vinha conquistando grandes resultados dentro de campo, Guto Ferreira sempre manteve os pés no chão e não disse que o grupo já estava pronto para ser campeão, mas que vinha aprendendo devido as situações apresentadas. Agora, ele terá que trabalhar para não deixar os jogadores se abalarem com a primeira derrota em 2013.

"Você vai vivenciando algumas situações, conversando sobre elas e amadurecendo. Quando vocês (jornalistas) me perguntaram se estávamos pronto para sermos campeões, eu nunca disse que sim. Estamos aprendendo com essas situações. Foi um jogo para amadurecer, para vir a jogar melhor no próximo", destacou Guto Ferreira.

Outro ponto destacado pelo treinador ponte-pretano foi o desequilíbrio emocional dos jogadores durante os 90 minutos. Todo o time entrou em campo bastante nervoso com o árbitro Luiz Vanderlei Martinucho - o mesmo que deu apenas amarelo para Danielzinho na entrada desleal sobre Ferrugem na partida entre Ponte e São Caetano, realizada há um mês - tanto que foram cinco cartões amarelos: Ferrón, Ramírez, Bruno Silva, Cicinho, Cléber e William e um vermelho, para o zagueiro Cléber.

"O grande problema da nossa equipe foi o desequilíbrio emocional. A equipe estava totalmente fora de controle, tanto que os jogadores desceram para o vestiário no intervalo dizendo que o árbitro os ameaçava. Houve mágoa, porque os jogadores não isentaram o árbitro da questão do Ferrugem", reforçou Guto Ferreira.

Apesar da derrota para o Palmeiras, a Ponte Preta segue na vice-liderança, com 34 pontos, e agora busca a reabilitação no próximo domingo, contra o Mirassol, às 18h30, novamente no Estádio Moisés Lucarelli, pela penúltima rodada da fase classificatória. O objetivo agora é terminar a fase inicial em segundo lugar, o que vai garantir vantagem no confronto da outra fase.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPonte PretaCampeonato Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.