Divulgação<br>
Divulgação

Guto Ferreira tem alta, mas não viaja com a Ponte Preta

Treinador terá mais três dias de descanso e só volta ao trabalho depois de passar por nova consulta médica

Estadão Conteúdo

23 de outubro de 2014 | 20h07

Internado na terça-feira por causa de uma arritmia cardíaca, o técnico da Ponte Preta, Guto Ferreira, recebeu alta da Unidade Coronária da PUC-Campinas no início da noite desta quinta-feira e retornou para a sua casa.

O técnico, porém, permanecerá em regime de descanso e não viajará com o grupo para o Rio de Janeiro, onde o time campineiro entra em campo no sábado, às 16h20, contra o Vasco, pela 32ª rodada da Série B. A Ponte é líder isolada com 60 pontos, três na frente do Joinville, com 57, e seis na frente do Vasco, com seis.

Apesar da liberação médica, Guto Ferreira terá mais três dias de descanso em casa antes de fazer uma nova consulta. Somente após aprovação médica poderá retornar ao seu trabalho normal com o elenco da equipe de Campinas.

Na sexta, Guto Ferreira irá ao treinamento do time para conversar com o auxiliar técnico Alexandre Faganello, que comandará o time diante do time carioca. Ele, porém, precisa fazer qualquer atividade com "moderação".

A Ponte vai defender a liderança. O confronto contra o Vasco, no sábado, será o segundo consecutivo contra um clube de dentro do G4. Na terça-feira, o time de Guto Ferreira bateu o Avaí com uma vitória, por 3 a 1, em Campinas, no Estádio Moisés Lucarelli.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPonte PretaGuto Ferreiraalta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.