Arquivo/AE - 1942
Arquivo/AE - 1942

Há 69 anos, morria o Palestra invicto e nascia o Palmeiras campeão

Clube teve de mudar de nome por causa da Segunda Guerra Mundial

estadão.com.br

20 de setembro de 2011 | 17h45

SÃO PAULO - O Palmeiras tem hoje um motivo para se orgulhar de sua bandeira. Faz 69 anos que o Palestra Itália mudou de nome para Palmeiras. O espisódio entrou para a história do clube e do futebol brasileiro com o nome de Arrancada Heróica. Este é o nome de um quadro a óleo que enfeitava as paredes do Parque Antártica antes da demolição do local para a construção da Arena. O quadro representa a entrada do time em campo com a bandeira do Brasil no dia em que derrotou o São Paulo por 3 a 1, na conquista do seu nono título paulista.

No livro Almanaque do Palmeiras, do jornalista Mário Sérgio Venditti e Celso Dario Unzelte, há a seguinte frase: "Em 20 de setembro de 1942, o Palestra morreu invicto e o Palmeiras nasceu campeão."

O site do Palmeiras conta a hitória da mudança do nome de Palestra Itália para Palmeiras:

"Durante a Segunda Guerra Mundial, em 1942, por causa de decreto do governo Getúlio Vargas, que proibia em qualquer entidade o uso de nomes relacionados aos países do Eixo (Alemanha, Itália e Japão), o Palestra Itália foi obrigado a mudar de nome, passando a chamar-se Palestra de São Paulo, posto que "palestra" é uma expressão grega, o que não contrariaria a decisão governamental. A mudança não aplacou as pressões políticas e até esportivas e, sob pena de perder seu patrimônio para outro clube e ser retirado do campeonato que liderava, o Palestra viu-se obrigado a mudar de nome novamente. Nas vésperas da partida final do Campeonato Paulista, que seria realizada em 20 de setembro de 1942, a diretoria palestrina, em reunião tensa, mudou o nome do clube. Quando as discussões estavam no auge, o Dr. Mario Minervino pediu a palavra e solicitou ao secretário, Dr. Pascoal W. Byron Giuliano que anotasse na ata: “Não nos querem Palestra, pois seremos Palmeiras e nascemos para ser campeões."

 

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasPalestra Itália

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.