Haitianos prometem torcer pelo Brasil

O presidente do Haiti, Boniface Alexandre, disse hoje que boa parte dos haitianos vai torcer pela seleção brasileira na partida que a seleção do país faz amanhã contra o Brasil. "Parte do coração dos haitianos está torcendo para o Brasil. A população haitiana é também brasileira e se o Brasil ganhar a partida não será nenhum problema", disse Boniface, ao ser indagado pelos jornalistas se não havia a preocupação do Brasil ganhar o jogo. O presidente haitiano se encontrou hoje com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, à margem de uma reunião de presidentes de países da América Central e do Caribe, na República Dominicana. Animando com o jogo, Lula quis saber como estavam os preparativos da partida e disse que dependendo do resultado desta quarta-feira, será possível se pensar em outros jogos. Lula não citou, no entanto, que outros times poderiam ser convidados a jogar no Haiti. Boniface, por sua vez, informou a Lula que o estádio foi recuperado para abrigar o jogo com a seleção brasileira e afirmou que o País está preparado para receber a equipe de jogadores. Já o ministro das Relações Exteriores do Haiti ressaltou que este será um jogo simbólico, em favor da paz. Acentuou ainda que só a notícia da realização da partida já provocou o desarmamento de parte da população. Este foi o primeiro encontro entre Lula e Boniface. No final do dia estava prevista uma visita de Lula aos jogadores, que estão na República Dominicana, aguardando a hora de viajar para o Haiti.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.