Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Hellmann diz que Inter segue na disputa pelo título e quer 'pelo menos' o G-4

Colorado ficou mais distante do Palmeiras após derrota para o Botafogo

Estadao Conteudo

18 de novembro de 2018 | 20h50

Após a derrota do Internacional para o Botafogo, por 1 a 0, neste domingo, no Rio, o técnico Odair Hellmann reconheceu que seu time teve uma atuação abaixo do esperado no Engenhão, pela 35.ª rodada. O treinador, porém, não perde a esperança de brigar por posições dentro do G-4 e até seguir na disputa pelo título.

"Não vou mudar meu discurso agora. Ele segue o mesmo. Acho que a disputa pelo título está em aberto, bem como a do G4. Apesar de a gente já ter uma vaga na Libertadores, queremos nos garantir fase de grupos do torneio, pelo menos", comentou o técnico em coletiva de imprensa após a partida.

De acordo com Hellmann, o Botafogo poderia ter vencido por vantagem maior. "Não fizemos um bom primeiro tempo, que foi amarrado e de marcação. No final, o Botafogo fez o gol e obrigou a gente a se abrir no segundo tempo. Tivemos bom volume e criamos chances, mas não empatamos. Daí ficou fácil para eles, que gostam de explorar os contra-ataques. Eles tiveram duas ou três chances de ampliar, mas o Marcelo Lomba fez grandes defesas", analisou.

O atacante Leandro Damião endossou os comentários de Hellmann. "Nós viemos com o objetivo da vitória, independentemente do que o Palmeiras estivesse passando, e nós não conseguimos jogar. Infelizmente, não deu. A vontade foi grande, mas não conseguimos tecnicamente fazer uma boa partida, não tivemos a mesma tranquilidade que tivemos nas últimas partidas. Hoje, não conseguimos. Tomamos um gol e não conseguimos reagir, acho que isso a gente tem de reconhecer", analisou.

No discurso, Hellmann tentou também manter a esperança: "Cabe a nós continuar lutando por vitórias, porque ainda temos três jogos". Para ele, agora o time tem a obrigação de se reabilitar contra o Atlético-MG, quarta-feira, às 19h30, no Beira-Rio. "Vai sobrar para o Atlético-MG, porque temos de vencer diante de nossa torcida", afirmou o treinador, que não terá Wellington Silva e Rodrigo Moledo, expulsos contra o Botafogo.

Com a derrota, o time colorado ficou com 65 pontos e caiu para terceiro lugar, uma vez que o Flamengo atingiu os 66 pontos ao vencer o Sport, por 1 a 0, em Recife. O Palmeiras empatou por 1 a 1 com o Paraná, em Londrina, mas segue líder, com 71 pontos.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.