Ricardo Duarte/SC Internacional
Ricardo Duarte/SC Internacional

Hellmann fecha treino do Inter e deve promover entrada de Klaus na zaga

Meia D'Alessandro, que ficou fora da última partida por conta de uma lesão no tornozelo, seguirá fora por suspensão

Estadão Conteúdo

25 de maio de 2018 | 18h26

O técnico Odair Hellmann fechou o treino do Internacional nesta sexta-feira e tentou fazer mistério na escalação da equipe que enfrentará o Corinthians no domingo, às 16 horas, no estádio Beira-Rio, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Apresentado, Rodrigo Caetano diz que Inter precisa recuperar autoestima

No entanto, o treinador não deverá fazer grandes mudanças em relação ao time que venceu a Chapecoense por 3 a 0 na segunda-feira pela sexta rodada. A única novidade deve ser a entrada do zagueiro Klaus na vaga de Víctor Cuesta, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

O meia D'Alessandro, que ficou fora da última partida por conta de uma lesão no tornozelo seguirá fora porque pegou um jogo de suspensão no Superior Tribunal de Justiça Desportiva devido a uma confusão com Lucas Paquetá na derrota por 2 a 0 para o Flamengo. A tendência é que Lucca siga entre os titulares.

"É um jogo difícil, contra um time estruturado, com ideia de jogo consolidada, independente do treinador, com a troca entre Carille e Osmar. Não muda a estrutura, tem estrutura e ideia de jogo consolidadas. Espero um jogo difícil, mas dentro de casa somos e estamos muito fortes. Queremos continuar fazendo jus a isso. Nos preparamos muito bem nesta semana para sair com os três pontos", disse o Hellmann em entrevista coletiva.

O Internacional ocupa a décima colocação na tabela, com oito pontos. Uma nova vitória pode colocar a equipe entre os primeiros colocados na competição. Para o duelo contra o Corinthians a tendência é que o time colorado entre em campo com: Danilo Fernandes; Zeca, Rodrigo Moledo, Klaus e Iago; Rodrigo Dourado, Edenílson, William Pottker, Patrick e Lucca; Leandro Damião.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.