Henri Michel se diz decepcionado com eliminação precoce

O francês Henri Michel, técnico da Costa de Marfim, se mostrou muito decepcionado, nesta sexta-feira, após derrota por 2 a 0 para Holanda, em Stuttgart. O resultado eliminou sua seleção da Copa do Mundo. "É evidente que estamos mais do que decepcionados, pois estávamos muito esperançosos com relação a classificação para as oitavas-de-final. Mas as duas partidas (contra Argentina e Holanda) forma muito parecidas, levamos os gols primeiro para só depois buscar o resultado", explicou o treinador. "é uma grande decepção. Todos disseram que jogamos bem, com um futebol bonito, mas a verdade é que ainda não estamos no nível das grandes seleções", confessou o treinador. Mesmo assim, Michel não vê a eliminação como uma catástrofe. "Esta copa nos servirá de experiência. Somos um time novo, temos muito que aprender ainda", falou resignado.Para a próxima partida da Costa do Marfim, contra a também eliminada Sérvia e Montenegro, a preocupação de Michel é com a motivação de seus jogadores. "O mais difícil será motivar a equipe, mostrar a eles que este jogo será nossa chance de nos despedir honrosamente do Mundial. Acho que o nosso problema não foi não ter suportado a pressão, foi um problema de falta de experiência mesmo", concluiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.