Henrique se diz recuperado e pronto para ajudar o Cruzeiro

Após sofrer uma lesão no joelho na decisão da Copa do Brasil contra o Atlético-MG, volante fala da importância da pré-temporada

Estadão Conteúdo

09 de janeiro de 2015 | 15h13

O Cruzeiro terminou o ano de 2014 celebrando o bicampeonato brasileiro, mas para o volante Henrique o fim da temporada trouxe uma preocupação. O jogador sofreu uma lesão no joelho na derrota para o Atlético-MG no segundo jogo da decisão da Copa do Brasil e se tornou preocupação para o início de 2015. Passado um mês e meio, no entanto, ele garantiu estar recuperado e pronto para ajudar o time em um novo desafio.

"Um ano começar bem e desta forma sempre é bom. Nos da mais confiança e tranquilidade para trabalhar. Me cuidei bem nas férias, fiz tratamento. Nada melhor que começar com o grupo, porque essa pré-temporada é muito importante para nós, atletas. Lesão no joelho sempre preocupa, sempre nos da medo. Como falei, me tratei, cuidei, fiz bastante fortalecimento e continuo fazendo para cada dia estar mais forte. Agora, é dar sequência nesses trabalhos para ter um ano tão bom quanto 2014", declarou.

Henrique se mostrou confiante em mais um ano vitorioso no Cruzeiro. O volante só lamentou a saída de alguns nomes do elenco, como o lateral Egídio e os atacantes Marcelo Moreno, Borges e Dagoberto, mas avaliou que os atletas que estão sendo contratados para suprir estas ausências podem dar conta do recado.

"A gente sempre quer que os grandes jogadores estejam junto conosco. Assim o time, o grupo, fica mais forte. Mas isso faz parte do futebol. Às vezes a gente busca outros ares, às vezes tem perspectiva de trabalho. Isso é bom e faz parte. É bom para o Cruzeiro porque sempre tem jogadores de alto nível, jogadores de grande potencial. Quando um sai, outro está pronto. Isso só aumenta a qualidade da equipe", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroHenrique

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.