Henry aparece com gorro dos 'Spurs' e gera polêmica na Inglaterra

Inscrição no acessório lembra rival histórico do Arsenal, Tottenham. Porém, gorro remete ao time de basquete San Antonio Spurs

O Estado de S. Paulo

03 de dezembro de 2014 | 12h55

Nesta segunda-feira, o atacante Thierry Henry anunciou sua saída do New York Red Bulls, que disputa a liga de futebol dos Estados Unidos. Ao se despedir dos companheiros no vestiário, a lenda do Arsenal vestia um gorro com uma inscrição bem controversa: 'Spurs'.

O motivo da polêmica é que o Arsenal e o Tottenham Hotspur (popularmente chamado de 'Spurs' pelos torcedores ingleses), protagonizam a maior rivalidade da cidade de Londres. O gorro que Henry usava, porém, nada tinha a ver com o rival londrino. O acessório, na verdade, remetia ao San Antonio Spurs, time de basquete que disputa a NBA. Tony Parker, jogador da equipe, é amigo pessoal de Henry.

Após anunciar que deixa o New York Red Bulls, o francês ganhou as manchetes ao redor do mundo. Na França, o jornal L'Équipe faz uma campanha para que o técnico Didier Deschamps convoque o jogador para fazer sua despedida com a camisa da seleção francesa em amistoso contra o Brasil no dia 26 de março. Enquanto isso, Paris Saint-Germain e Bourdeaux cogitam oferecer um cargo no corpo técnico caso o jogador decida se aposentar. Como não podia ser diferente, também se especula uma volta ao Arsenal, clube onde é ídolo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.