Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Hernández avalia ser cedo para reivindicar titularidade no Santos

Jogador fez boa partida diante do São Bernardo

O Estado de S.Paulo

14 de março de 2017 | 18h22

Primeira contratação do Santos para a temporada 2017, Vladimir Hernández demorou a estrear em um jogo oficial, atrapalhado por problemas envolvendo o pagamento da sua aquisição, mas causou impacto na primeira vez em que foi titular, no último domingo, na goleada por 4 a 1 sobre o São Bernardo, pelo Campeonato Paulista. Ainda assim, o colombiano avalia ser cedo para reivindicar a titularidade - no fim de semana, o técnico Dorival Júnior poupou os titulares.

"Estou muito feliz pela estreia no Paulista e por ter feito as coisas bem. Vi a entrevista do professor e um só jogo não vai fazer eu ser titular logo no seguinte. Há uma disputa sadia, todos são bons e treinam da melhor forma para jogar bem cada partida. Tenho que seguir trabalhando e dar o meu melhor em cada oportunidade. Partida a partida, vou demonstrando meu futebol para que o Dorival conte comigo", afirmou.

Hernández lembrou que o Santos já vem com uma base consolidada de 2016, quando foi o vice-campeão brasileiro. Além disso, ele destacou ter forte concorrência na luta pela titularidade. Por isso, avalia que vai conquistar aos poucos o seu espaço no time, obtendo a confiança de Dorival com boas atuações, como no último domingo, quando sua velocidade foi decisiva para o Santos encontrar espaços para construir a goleada sobre o São Bernardo.

"Acredito que temos uma competição sadia. Acabei de chegar nesse grande time e já há uma base desde o ano passado com grandes resultados, como o segundo lugar no Brasileiro. Pelos lados há grandes jogadores, como Copete, Vitor Bueno e Bruno (Henrique). Quero conquistar meu grão de areia na equipe a cada dia", declarou.

Com Hernández reconhecendo que ainda não deverá ser dessa vez que vai conquistar a titularidade, o Santos volta a campo nesta quinta-feira. Após empatar por 1 a 1 com o Sporting Cristal no Peru, o time vai receber o The Strongest, na Vila Belmiro, pela segunda rodada do Grupo 2 da Libertadores. E vencer será importante, pois a equipe boliviana bateu o Independiente Santa Fe na sua estreia na fase de grupos do torneio continental.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.