Hernanes garante que não se preocupa com rivais

No São Paulo ninguém esconde que a 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro foi favorável ao time. A equipe fez a lição de casa ao bater o Vitória, ainda na quinta-feira, e se beneficiou das derrotas de sábado de Palmeiras e Cruzeiro, adversários diretos na briga pelo título. Apesar dos resultados positivos para o São Paulo, o jogador Hernanes garante que não torceu por uma derrota dos concorrentes - o volante sequer admite o uso do termo "secar o adversário" - e diz que pensa apenas nas vitórias do seu time."Eu não quero saber quantos pontos eles vão fazer. Eu quero jogar o próximo jogo e vencer. É isso que eu me preocupo", disse Hernanes. O próximo jogo do São Paulo é nesta quarta-feira, contra o Botafogo, fora de casa. "Temos que pensar no nosso time, essa é a melhor maneira para que a gente saia do Engenhão com um bom resultado", concluiu.E para vencer o Botafogo, o volante acredita que o time deve manter o bom nível de jogo apresentado nas últimas rodadas. O São Paulo não perde há 11 rodadas e está próximo de bater o recorde de invencibilidade do Brasileirão - Grêmio e Botafogo ficaram o mesmo número de jogos sem perder. "O time está com muita pegada, essa sempre foi nossa marca registrada. Estamos conseguindo impor esse ritmo forte e tomar poucos gols", afirmou Hernanes. O São Paulo ocupa a segunda posição no Brasileirão, com 56 pontos, três a menos que o líder Grêmio. Também nesta quarta-feira, os gaúchos vão a Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro, terceiro colocado com 55 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.