Hernanes pede cuidado com o ex-companheiro Souza

O jogo contra o Grêmio, na quinta-feira, terá como atração especial para os jogadores do São Paulo a presença de vários ex-companheiros de equipe no Morumbi: o volante Joilson, os laterais Jadilson e Fábio Santos e o meia Souza, apontado pelo volante Hernanes como merecedor de uma atenção especial.

AE, Agencia Estado

28 de julho de 2009 | 14h06

"Ele está em um momento muito bom, tanto nas bolas paradas quanto nas jogadas de fora da área, nas quais ele tem feito bastante gols. Com certeza é preciso dar uma atenção especial, porque ele está fazendo a diferença no Grêmio", afirmou Hernanes, que neste ano veste a camisa 10 usada por Souza em 2007, ano em que ele trocou o São Paulo pelo Paris Saint-Germain.

Souza chegou ao Grêmio no meio do ano passado e já marcou 12 gols em 34 gols pelo Grêmio nesta temporada, cinco desses gols no Brasileiro. O jogo de quinta-feira será o primeiro do meia no Morumbi desde sua saída - no ano passado, Souza ainda não estava no Grêmio no jogo do primeiro turno, que terminou com vitória dos gaúchos por 1 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.