Érico Leonan/São Paulo
Érico Leonan/São Paulo

Hernanes projeta 'reencontro histórico' com Rogério Ceni no jogo de domingo

Será a primeira vez que o ex-jogador vai enfrentar o clube que defendeu por 25 anos como goleiro

Redação, Estadão Conteúdo

07 de maio de 2019 | 11h02

No próximo domingo, o São Paulo vai visitar o Fortaleza, dirigido pelo técnico Rogério Ceni, na terceira rodada do Campeonato Brasileiro, às 19 horas, na Arena Castelão. Será a primeira vez que o ex-jogador vai enfrentar o clube que defendeu por 25 anos como goleiro e em mais seis meses como treinador.

O meia Hernanes classificou o encontro como "histórico". Os dois jogaram juntos entre 2005 e 2010. "Vai ser um encontro interessante, vamos dizer histórico. Mas, quando a bola rolar, as coisas que aconteceram no passado, tudo fica fora, o que importa é quando a bola rola. Vai ser muito falado até domingo, mas quando o jogo começar cada um vai brigar pelos três pontos", afirmou o atleta, que foi bicampeão brasileiro ao lado do ex-goleiro em 2007 e 2008.

Hernanes quase foi dirigido pelo ex-companheiro. Em 2017, o meia iniciava as negociações para seu retorno ao Morumbi e chegou a conversar com Ceni sobre a possibilidade. As tratativas, porém, só evoluíram no segundo semestre, quando o treinador já havia sido demitido para a contratação de Dorival Junior.

O meio-campista saiu do São Paulo em 2010, após a queda na semifinal da Copa Libertadores, e se transferiu para a Lazio, pela qual teve passagem marcante.

Após três rodadas no Brasileirão, o São Paulo soma sete pontos, com duas vitórias e um empate, e ocupa a terceira posição. O Fortaleza contabiliza um triunfo e duas derrotas, retrospecto que o deixa hoje na 16ª colocação, logo acima da zona do rebaixamento. Com três pontos, está um à frente do CSA, 17º na tabela.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.